Pra quem quiser entender

"- Até onde, até quando??"
Não existe o "até", existe o tanto,
tanto quanto seu coração puder sonhar,
pois nunca se é "velho" demais para tentar.
E vice-versa.
Postar um comentário