Inflado

Ele tinha predileção por bonecas infláveis caucasianas, loiras e de olhos verdes. Daquelas com a boca escancarada como quem leva um susto. A brincadeira era assim: ele chegava no ouvido dela e sussurrava algo do tipo "eu quero que você me dê muitas palmadas, porque eu fui um menino mau". Imaginava a reação da boneca exatamente daquela forma, calada pela surpresa, mas boquiaberta e de olhos esbugalhados. Logo depois, acariciava a cabeça inflada dela e dizia que era brincadeira, que não estava falando sério. Então, se amavam.
Postar um comentário